Notícias

A nova regra para anúncios no Facebook

A rede social apresentou mudanças importantes na regra que limitava em 20% os textos em imagens de anúncios. Saiba como está funcionando agora.

Se você trabalha com anúncios na rede social, já pode comemorar. O Facebook fez, recentemente, algumas alterações na ferramenta que vão colaborar bastante com a comunidade publicitária.

A regra dos 20%

Você já teve um anúncio reprovado (ou até mesmo uma conta banida) por ter utilizado uma imagem com mais de 20% de texto no seu criativo? Não se preocupe mais com isso.

A partir de agora, o site deixará de usar a famosa grade dos terços para analisar a quantidade de texto em suas imagens. Ao invés disso, o Facebook está aderindo a uma análise mais complexa que classifica a sua foto em até 4 níveis:

Nova regra dos 20% nos anúncios do Facebook
Classificações de texto do Facebook
  • OK – imagens com pouquíssimo ou nenhum texto. Esses anúncios irão veicular normalmente, alcançando a maior quantidade de pessoas possível.
  • Baixo – imagens com pouco texto. Esses anúncios serão veiculados, mas terão um alcance um pouco menor.
  • Médio – nesse caso, os anúncios ainda são exibidos aos usuários, mas passam a se tornar bastante restritos e têm um alcance bem menor.
  • Alto – anúncios nessa classificação possuem tanto texto que podem ser exibidos apenas para uma quantidade muito pequena de pessoas ou nem mesmo serem aprovados.

Ou seja, a publicação de anúncios não é mais limitada à regra dos 20%, mas mesmo assim seus anúncios correm o risco de terem o alcance prejudicado se passarem dessa quantidade.

O que não é considerado texto pelo Facebook?

Algumas exceções são levadas em conta na hora de analisar as suas imagens, veja abaixo a lista de itens que não são contabilizados como texto pela rede social.

  • Capas de produtos físicos (CDs, DVDs, livros…) contendo texto. Nesse caso, o produto inteiro deve estar visível para não contabilizar texto.
  • Pôsteres de filmes, cartazes de concertos, festivais de música, eventos esportivos.
  • Empresas que trabalham com caligrafia ou quadrinhos
  • Capturas de tela de jogos e aplicativos
  • Textos jurídicos
  • Infográficos

Todos os tipos de anúncios ou textos acima não são levados em consideração pela Text Overlay, a ferramenta que analisa as imagens dos criativos.

Devo utilizar mais texto em meus anúncios agora?

O Facebook afirma que, geralmente, anúncios com a menor quantidade possível de texto recebem mais cliques e têm mais resultado.

Ou seja: não abuse dos novos parâmetros da rede social. Sempre que possível, mesmo com a nova regra, evite exceder os 20% de texto em suas imagens, pois além de deixar o seu anúncio menos chamativo, pode prejudicar o alcance.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *